Primeiro deputado distrital gay, Fábio Felix quebra protocolo

Posse foi realizada nesta terça 1º. pesolista falou de Marielle Franco

Publicado em 01/01/2019
fabio felix deputado distrital gay
Felix afirmou ser importante afirmar-se homossexual. Outros deputados e deputadas não se assumiram (Foto: Alexandre Bastos)

Momento histórico. Tomou posse nesta terça 1º, Fábio Felix (Psol) o primeiro deputado distrital assumidamente homossexual. Sabe-se que vários e várias parlamentares, de outras legislaturas e até na atual, foram ou são LGB, mas sem declarar sua orientação sexual.

No juramento, o pesolista segurou uma bandeira arco-íris e quebrou o protocolo no juramento. "Pelas LGBTs, pela juventude negra, por Marielle Franco, assim o prometo", incluiu o agora parlamentar no discurso padrão determinado pelo cerimonial.

Marielle Franco foi vereadora do Rio de Janeiro, também do Psol e homossexual, e morreu assassinada em 2018.

Em declaração à imprensa, Felix falou da importância de se dizer gay. "Em tempos de criminalização da diversidade, a autoafirmação é um ato político importante. Seremos resistência ao ódio.”

O parlamentar também afirmou que seu mandato estará aberto ao recebimento de denúncias de discriminação. Quanto ao número do gabinete que vai ser ocupado por ele, é o 24.


© Todos direitos reservados à Guiya Editora. Vedada a reprodução e/ou publicação parcial ou integral do conteúdo de qualquer área do site sem autorização.