Aumenta número de gays em app de sugar daddies

Quase um terço dos homossexuais do Meu Patrocínio estão em São Paulo

Publicado em 24/03/2019
Aumenta número de gays em rede social de sugar daddies
Relacionamento inclui benefícios financeiros do daddy (mais velho) ao baby (mais jovem)

Voltados a pessoas que misturam prazer com dinheiro, os aplicativos destinados a sugar daddies e sugar babies não param de crescer. E não só dentre héteros. 

Curta o Guia Gay Brasilia no Facebook

O app Meu Patrocínio informa que houve aumento de 10% de homossexuais em sua plataforma.

E onde ficam os usuários? Quase um terço deles (30%) em São Paulo, depois aparece o Rio de Janeiro, com 21%.

A idade média dos sugar babies (os mais novos que recebem benefícios financeiros) é de 24 anos. 

Já dentre os sugar daddies (os mais velhos que patrocinam os mais novos) a média de idade é de 42 anos.

Dentre gays e héteros, ao todo, o app tem registrado 1 milhão de usuários no Brasil.


© Todos direitos reservados à Guiya Editora. Vedada a reprodução e/ou publicação parcial ou integral do conteúdo de qualquer área do site sem autorização.