Websérie geek 'Desaventureiros' abordará temática LGBT

Produção brasileira da Maré Geek estreará segunda temporada em 16 de maio

Publicado em 05/05/2019
Websérie geek Desaventureiros da Maré Geek falará de LGBT
Segunda temporads da série da Maré Geek teve investimento de R$ 50 mil

A websérie Desaventureiros abordará minorias em sua segunda temporada. Empoderamento feminino e representatividade negra e LGBT farão parte das histórias.

Curta o Guia Gay Brasilia no Facebook

Com trama inspirada nos RPGs, a atração brasileira acompanha a saga da Companhia do Dragão Bronzeado.

Liderado por um jovem bardo humano, Vic Voz do Vento, o grupo é composto pela Elfa Shi, o meio-elfo Fliq, o anão engajado Touro Vegano e a Clériga Geburath, e financiado por uma influente mercadora, A Mãe, de quem o protagonista é filho.

O objetivo deles (principalmente o de Vic) é provar à mantenedora que eles são dignos da contratação por um grupo de Aventureiros Classe A, mas este percurso é cheio de desafios. O mais cruel deles é a superação de suas próprias limitações: o ego de Vic, o orgulho de Shi, os acessos violentos de Fliq, o idealismo de Touro e a natureza caótica de Geburath.

Cocriadora e uma das atrizes de Desaventureiros, Sophia Tomazelli, falou sobre a importância de abordar a diversidade. "Não é obrigação da fantasia reimaginar o status quo? Ela tem, afinal, mais liberdade do que qualquer outro gênero. E ela sempre nos pareceu poderosa demais para ser subestimada."

Lançada em 2018 pela Maré Geek, que nasceu da produtora de audiovisual Maré Filmes, a primeira temporada teve investimento de R$ 10 mil e envolveu 20 pessoas na produção. A websérie foi indicada nas categorias de melhor musical e melhor figurino no Asia Web Awards e melhor comédia no Seoul Webfest, além do Prêmio de Incentivo à Produção Brasileira no Riowebfest.

A produção também foi finalista no Tuscany Webfest e integrou as seleções oficiais do Miami Independent Film Festival, Sicily Webfest, International Online Webfest e Baltimore Webfest.

Já a segunda temporada registrou um salto: foram investidos R$ 50 mil reais e 50 pessoas integraram a equipe, sendo que cada episódio levou cerca de dois dias para ser gravado. O universo geek é, hoje, um dos segmentos mais rentáveis da indústria de entretenimento no mundo. O Brasil figura entre os cinco países que mais faturaram na área no ano passado.

A segunda temporada estreia no YouTube no próximo dia 16 e vai ao ar sempre às quintas, às 11h. Confira o trailer:

Veja algumas imagens dos bastidores da nova temporada da websérie:

Lucas Durão na websérie geek Desaventureiros

Websérie geek Desaventureiros

Websérie geek Desaventureiros

Lucas Durão na websérie geek Desaventureiros

Websérie geek Desaventureiros

 


© Todos direitos reservados à Guiya Editora. Vedada a reprodução e/ou publicação parcial ou integral do conteúdo de qualquer área do site sem autorização.