Lili Santana e Manú Santoro abrirão bar LGBT: o Mallí

Empreendimento terá menu de drinks e opções de finger food

Publicado em 06/12/2020
Mallí: Brasília ganha novo point gay, bar na Ponte JK
Nome do local vem da junção dos nomes de Lili Santana e Manú Santoro. Não há data para a abertura

Há lugares fechando na cidade, mas novidades devem incrementar a cena LGBT de Brasília.

Curta o Guia Gay Brasilia no Facebook

A região da Ponte JK, no Setor de Clubes Sul, ganhará, em breve, o Mallí, projeto de Manú Santoro, Patrícia Lima, Roger Sales e Lili Santana.

O ponto escolhido é onde ficava o restaurante Otro, próximo a endereços como Santé, Nau Frutos do Mar e Mormaii Surf Bar.

"Será um complexo de entretenimento com bar e cozinha, atrações artísticas, muita comida boa e experiências diferenciadas para todos", explicou Santoro ao Metrópoles..

"O cardápio é basicamente composto por opções de finger food para compartilhar, e quem está à frente da cozinha são os chefs Gabriel e Paola Paiva."

O menu de drinks foi criado por Gustavo Guedes, mixologista conhecido na capital federal.

A denominação da casa surgiu da junção dos nomes de Manu e Lili. "Como a ideia começou conosco, juntamos os nomes e acabamos criando essa marca. Na verdade, muito mais do que só a logo, a Mallí é uma persona e uma obra surrealista que fará parte da décor."

Falando em decoração, o projeto é assinado pelo Studio Roque, dos arquitetos Rômulo Carvalho e André Queiroz.

A inspiração foi o movimento surrealista. "Estamos trazendo conceito diferente para Brasília e digno da linda vista que a casa oferece", instiga Santoro.

A inauguração do Mallí ainda não foi marcada.


Parceiros:Lisbon Gay Circuit Porto Gay Circuit
© Todos direitos reservados à Guiya Editora. Vedada a reprodução e/ou publicação parcial ou integral do conteúdo de qualquer área do site sem autorização.