Recorde: pintura mais cara do mundo retrata 'muso' gay

'Pool with Two Figures', de David Hockney, foi comprada por R$ 330 milhões

Publicado em 17/11/2018
David Hockney: pintura gay bate recorde em leilão
Ex-amante do pintor, Peter Schlesinger, se destaca na obra

A obra mais cara de um artista vivo retrata um romance gay.

Curta o Guia Gay Brasilia no Facebook

Na quinta-feira 15, a tela Pool with Two Figures, do britânico David Hockney, foi vendida por US$ 90,3 milhões (cerca de R$ 330 milhões) em leilão na Christie's, em Nova York,

A disputa durou cerca de 10 minutos entre dois colecionadores anônimos pelo telefone.

O recorde anterior era de Balloon Dog (Orange), de Jeff Koons, vendido por US$ 58 milhões (cerca de R$ 210 milhões), em 2013.

Pool with Two Figures, pintada em 1972, mostra um homem nadando em uma piscina e outro, de blazer vermelho, parado e olhando para baixo.

O homem que está em pé é Peter Schlesinger, que foi namorado e "muso" de Hockney e aparece em várias outras telas do pintor.

Eles se conheceram em 1966 quando Hockney dava aulas de arte na Califórnia. Eles se separaram em 1971, mas a pintura já havia começado a ser feita.

Após alguns meses, o pintor voltou à sua obra e a terminou. Hockney hoje tem 81 anos.


© Todos direitos reservados à Guiya Editora. Vedada a reprodução e/ou publicação parcial ou integral do conteúdo de qualquer área do site sem autorização.