Sob lágrimas, Monica fala sobre os 13 anos de namoro com Marielle

Declaração foi dada ao Fantástico na casa de ambas. Casamento estava nos planos

Publicado em 18/03/2018
Monica Benício, viúva de Marielle Franco, falou sobre a perda
Arquiteta relembrou quando conheceu Marielle e como recebeu notícia da morte

Notícia mais marcante da semana no País, o assassinato da vereadora Marielle Franco (Psol-RJ) ganhou destaque no Fantástico, da TV Globo. E de um ponto de vista até então não externado. 

Curta o Guia Gay Brasilia no Facebook

Com exclusividade, o programa entrevistou a arquiteta Mônica Tereza Benício, a mulher da vereadora. Emocionada, ela precisou interromper a conversa diversas vezes para conter as lágrimas, anunciou a atração.

Mais
>>> Lésbica, vereadora Marielle Franco é assassinada a tiros no Rio

Marielle e Monica moravam juntas há um ano e meio, mas o tempo de relação delas era muito maior. "Foram 12 anos de relacionamento, 13 anos agora, entre idas e vindas", disse Mônica.

A entrevista foi dada na casa das duas. Monica, que disse ter sido aquela a segunda vez que entrava no lugar depois do assassinato, contou que cada detalhe da residência foi pensado pelas duas e construído ao longo dos anos. 

"Desde o primeiro momento que eu a vi, a gente teve uma empatia muito grande", contou Monica sobre o início da relação. Ela também afirmou que a rotina da vereadora era muito difícil, por isso a casa era pensada para ser um refúgio.

Na quarta-feira 14, dia do assassinato, Marielle perguntou se precisava levar alguma coisa para casa. "Eu falei que não", respondeu. Ela estranhou quando voltou para casa e Marielle, que costumava chegar antes, ainda não estava.

"Comecei a fazer as coisas. Aí liguei e ela não atendeu. Liguei de novo, liguei de novo, liguei umas 20 vezes e ela não atendeu", conta. "Enquanto eu estava ligando, eu atendi na hora e sabia que tinha acontecido alguma coisa. Eu perguntei 'cadê a Marielle?' e me disseram que a Dani [amiga e vizinha de ambas] estava na porta e precisava entrar."

"Quando eu abri o portão e vi a cara da Dani. Ela disse 'você precisa ser forte, a Marielle morreu", relembrou Monica sobre o momento em que soube da morte da amada.

Ela também disse que as duas planejavam casamento para setembro de 2019. "Porque esse ano ia ser ano de eleição e a gente queria organizar as coisas aos poucos esse ano e depois tentar organizar melhor as coisas pro ano que vem."

"É muito difícil porque eu ainda não consegui concretizar que ela não vai voltar. Isso é uma coisa que eu ainda não entendo, eu não consigo dormir porque ela não tá do lado e, quando eu acordo e abro olho e entendo o que tá acontecendo, é muito dificil querer levantar da cama. Eu pensava porque que eu não tava no lugar do Anderson. Porque eu não consigo entender o que que eu vou fazer da minha vida sem ela agora."


© Todos direitos reservados à Guiya Editora. Vedada a reprodução e/ou publicação parcial ou integral do conteúdo de qualquer área do site sem autorização.